Humildade. Ter ou não ter?

A virtude da humildade é necessária a todo cristão. Mais do que uma escolha de conveniências, ela precisa ser um modo de agir permanente, um estado da alma. Há quem acredite que ser humilde é ser bonzinho ou mesmo educado. Já outros não veem nenhuma vantagem na atitude. No entanto, a humildade nada mais é do que uma reconciliação com a própria verdade.

Descobrir a nossa verdade

Quando descobrimos a nossa verdade, não supervalorizamos, nem tão pouco menosprezamos, mas encontramos o nosso próprio lugar. O Beato Frei Maria- Eugênio vai dizer que “É na humildade que se tem o verdadeiro conhecimento de si” (1). O Catecismo da Igreja Católica, parágrafo 27, vai trazer a luz a essa verdade.

“Desde o começo da sua existência, o homem é convidado a dialogar com Deus: pois se existe, é só porque, criado por Deus por amor, é por Ele, e por amor, constantemente conservado: nem pode viver plenamente segundo a verdade, se não reconhecer livremente esse amor e não se entregar ao seu Criador”.

Nesta descoberta da sua própria verdade, o homem descobre que nasceu da explosão do amor de Deus e que sua existência é sustentada pela Sua bondade. Deus é Aquele que É , e o homem, aquele que depende de Deus no seu nada.

Independência X Dependência 

Mas a palavra dependência pode soar estranha em um mundo em que desde pequenos somos ensinados a sermos independentes, a não mostrarmos as nossas fraquezas, a não ficarmos “por baixo”, sermos perfeitos, superiores, a vencermos a todo custo, a sermos os empoderados ou mesmo os poderosos. Caindo em uma armadilha mortífera de sermos o nosso próprio deus… “ Sereis como deuses”(Gn 3,5). 

 E quando somos confrontados por humilhações, contrariedades, o nosso orgulho é ferido e isso nos causa uma grande revolta, raiva, inveja, falta de amor ao próximo… qualquer coisa nos ofende e magoa.

Caminho da Infância Espiritual

Santa Teresinha do Menino Jesus em sua Pequena Via nos ensina a amar as nossas misérias, fraquezas; a nossa pequenez. É por meio dela que atraímos o olhar de Deus. “Deus resiste aos soberbos, mas concede a graça aos humildes”(Tg 4,6). “Pela senda da humildade vai-se a toda parte, fundamentalmente ao Céu”(2).

 Santa Teresa diz ainda: “A humildade tem gosto de Deus! Deus desce em toda parte onde ela se encontra, e em toda parte onde Deus se encontra nesta terra, ele se reveste dela como um manto que esconde sua presença aos orgulhosos e a revela aos simples e aos pequenos”.

Vemos que em toda a vida de Jesus, nos anos ocultos e na manifestação do Seu ministério, mesmo sendo Deus, Ele Se fez pequeno. Nunca agiu por Si mesmo, mas fazia em tudo a Vontade do Pai. Ele nos disse: “aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração” (MT 11,29). Precisamos desejar ser Seus discípulos.

Passos de Humildade

O primeiro passo é se reconhecer pequeno e necessitado dessa virtude. É necessário pedir a Deus por esse dom, por meio da sua vida de oração.

Outro passo é não ter medo de reconhecer os seus erros, não se dê muita importância, saiba que quem é importante é Deus. Peça perdão e aceite o perdão do outro.

Busque servir o outro, ao invés de ser servido. Aceite com paciência as pequenas humilhações e contrariedades. Oferte as suas dores às dores de Cristo! Lute contra o orgulho!

Vamos juntos! Deus abençoe!

 

 

Referências

  1. Pequena Via de Santa Teresinha – Caminho de cura e santidade, pg 71
  2. A Conquista das Virtudes, pg 53

 

Andressa Aparecida da Silva
Consagrada da Comunidade Pantokrator 

Tags:

  ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●  

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faça a sua doação e ajude a manter a nossa comunidade ativa e próspera

Conteúdos Relacionados

Recomeços

A multidão se aglomera, alguém começa a contagem regressiva e, de repente, eles começam a explodir no céu. Eles são lindos, de diversas cores e

Leia mais »
Ao continuar a navegar ou clicar em "Aceitar todos os cookies", você concorda com o armazenamento de cookies próprios e de terceiros em seu dispositivo para aprimorar a navegação no site, analisar o uso do site e auxiliar em nossos esforços de marketing.
Políticas de Cookies
Configurações de Cookies
Aceitar todos Cookies
Ao continuar a navegar ou clicar em "Aceitar todos os cookies", você concorda com o armazenamento de cookies próprios e de terceiros em seu dispositivo para aprimorar a navegação no site, analisar o uso do site e auxiliar em nossos esforços de marketing.
Políticas de Cookies
Configurações de Cookies
Aceitar todos Cookies