Como anunciar o Amor de Deus?

Amor

Será motivo de grande alegria descobrirmos, nesta jornada, que anunciar o Amor de Deus pode ser mais simples do que imaginamos! Isso porque, nós podemos ser um instrumento deste anúncio a cada gesto, a cada passo e a cada olhar dado. Desse modo, magnificamente o Amor de Deus é anunciado por meio de nossa humanidade imperfeita e, de maneira privilegiada, nas ocasiões cotidianas, mesmo que não haja palavras.

Para essa ação de anunciar o Amor de Deus não há necessidade de esperar momentos especiais como uma conferência, uma pregação ou algo que pareça grande ao olhar humano.  De maneira alguma devemos esperar exclusivamente por tais circunstâncias! Podemos começar agora: na simplicidade do ordinário de nossas vidas! 

A partir de Sua imagem e semelhança, Deus criou o homem com o “DNA” do anúncio do Seu Amor, especialmente porque Ele mesmo habita na alma humana. Portanto, cada homem é escolhido e capacitado para este anúncio pela ação do Espírito Santo, que é a Pessoa do Amor na Santíssima Trindade.

Deus amou primeiro o homem e o constituiu como filho.

Desta forma, enquanto filho amado, o impulso natural do filho é falar do seu Pai Amado! Quem ama, conhece o pai e deseja anunciá-Lo. Sejamos, pois, a exemplo de Cristo – que por ser participante deste Amor em tudo se fazia obediente por conhecer o Amor de Deus Pai –, proclamadores deste Amor aos homens!

São Paulo Apóstolo já dizia no trecho de 1 Coríntios 9,16 “Ai de mim, se eu não anunciar o evangelho”. O que será que São Paulo descobriu para explicitar essa afirmação? Podemos crer que ele se descobriu amado por Deus. Eis o que cada homem e mulher precisam compreender, basicamente, para anunciar este Amor a todos aqueles que os cercam: saber-se amado por Deus!

Não foi a partir do medo que São Paulo se dispôs ao anúncio do Evangelho, mas a partir do saber-se amado por Cristo! Quando ele descobriu isso, não havia mais espaço para reter, mesmo que houvesse desafios e sacrifícios, como nos mostra a vida do apóstolo. 

O “ai de mim, se eu não anunciar” de São Paulo é fruto deste amor que transborda, é fruto de uma medida generosa que impulsiona os filhos de Deus a anunciar, com total destemor e concreto testemunho em suas vidas, que este Amor é vivo e salvador!

Este Amor salva o homem de suas misérias mais profundas e terríveis, elevando-o à estatura de filho de Deus.

Todo homem e mulher que descobre ser amado age com autenticidade e transmite a alegria de quem experimentou este Deus na vida. Daí brota o anúncio deste Amor de Deus: a partir da experiência com o próprio Senhor da vida. Brota da confiança de que Ele sustenta e olha para os seus filhos, que caminha junto e não está longe nunca, como Ele mesmo prometeu aos apóstolos antes da vinda do Espírito Santo. 

Vamos tomar posse desta promessa em nossas vidas, a partir daquilo que vivemos hoje! Nada é capaz de barrar a experiência deste Amor, a não ser que rejeitemos esta realidade de alegria verdadeira.

O sopro do Espírito Santo é a fonte de graça necessária para que todo filho eleito anuncie sua experiência de Amor, exatamente porque quando o filho amado experimenta esse Amor, passar a ser o Amor vivido, experimentado e provado, tornando-se impossível retê-Lo. O movimento é de expansão, dilatação e doação de si para que o mundo também experimente. Não é, portanto, movimento do egoísmo e de vaidade, mas sim de comunhão e de um testemunho que arrasta. Não é verdade?!

Sejamos também, meus irmãos, estes instrumentos afinados pelas mãos delicadas e firmes do Espírito Santo. Sejamos aqueles que se descobrem amados e que, vivendo a experiência concreta desta presença na própria vida, tenhamos a alegria de anunciar o Amor de Deus, saindo de nossos muros e seguranças para ir ao encontro daqueles que têm sede deste Amor. 

O Amor de Deus é imenso e faz transbordar em nós com abundância. Que o nosso transbordar atinja o outro, para que este não perca este tesouro tão valioso. Assim como a Palavra de Deus nos diz, um certo homem vendeu tudo porque descobriu a pérola preciosa em determinada terra! Que Deus nos abençoe e nos torne simples e corajosos neste propósito!

Amém!

Elisabete Santa Cruz Santos
Consagrada da Comunidade Católica Pantokrator

Tags:
Compartilhe:
Faça a sua doação e ajude a manter a nossa comunidade ativa e próspera

Conteúdos Relacionados

Vinho

SEM VINHO, SEM VIDA!

Deus escolheu o vinho. De tantas e tantas possibilidades de milagres para iniciar sua vida pública, Jesus optou por transformar água em vinho. Já parou

Leia mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ao continuar a navegar ou clicar em "Aceitar todos os cookies", você concorda com o armazenamento de cookies próprios e de terceiros em seu dispositivo para aprimorar a navegação no site, analisar o uso do site e auxiliar em nossos esforços de marketing.
Políticas de Cookies
Configurações de Cookies
Aceitar todos Cookies
Ao continuar a navegar ou clicar em "Aceitar todos os cookies", você concorda com o armazenamento de cookies próprios e de terceiros em seu dispositivo para aprimorar a navegação no site, analisar o uso do site e auxiliar em nossos esforços de marketing.
Políticas de Cookies
Configurações de Cookies
Aceitar todos Cookies