As medidas de São João Batista

As festas juninas se aproximam e para todo brasileiro esse é um momento muito importante do ano, mas por trás dessa festa está um grande santo da igreja, São João Batista.

“João é o seu nome”

Quando foi anunciado, pelo anjo Gabriel, a Zacarias que sua esposa Isabel teria um filho e que se chamaria João, Zacarias não conseguiu acreditar e por isso ficou mudo até o nascimento deste filho. Na hora de apresentar a criança no templo, todos lançavam opiniões sobre qual deveria ser o nome dessa criança, mas Zacarias, cumprindo a palavra, escreveu em uma tábua “João é o seu nome”, dando um fim à discussão. 

Isto é o que acontece nas nossas vidas, a todo o momento a corrupção do mundo a nossa volta tenta nos impor o que nós somos. Tantas vezes o mundo nos determina como viciados, corruptos, derrotados, etc. Mas quem diz quem nós somos é o Senhor. Assim como aconteceu com João, as vozes do mundo devem se calar perante a Verdade. Deus te ama muito e isso te define como seu filho amado.

Pois bem, cada um de nós tem a sua própria missão nessa terra. A missão de João era ser o profeta que precederia o Messias. Todos nós temos que encontrar a nossa missão e segui-la. Isso faz parte de quem você é.

Quem era João Batista?

Mas afinal de contas, quem era este homem chamado João? Em Lc 7,24-26 o próprio Jesus vem nos responder essa pergunta. Lá ele fala Depois que os mensageiros de João partiram, Jesus começou a falar às multidões sobre João: ‘Que fostes ver no deserto? Um caniço agitado pelo vento? Que fostes ver? Um homem vestido com roupas finas? Os que vestem roupas finas e vivem no luxo estão nos palácios dos reis. Que fostes ver então? Um profeta? Sim, eu vos digo, e mais que um profeta.’”

Portanto, nós podemos dizer que João era um homem firme, em um tempo onde a opinião dos outros e a aceitação social eram tão importantes, João não se deixava modelar pelo mundo, não se deixava levar pelas circunstâncias na vida pois Jesus diz que ele não é “Um caniço agitado pelo vento”, o vento não o agita, ele é firme. Aliás, como falta esta qualidade hoje em dia, pessoas que não se agitam com o vento e são firmes em sua fé. Eu digo com certeza, que o mundo em que nós vivemos está cada vez mais longe da Verdade porque os homens do passado e do presente não foram e não são firmes.

São João Batista era desprendido dos bens materiais e não buscava a companhia dos nobres, preferindo roupas simples e uma vida simples.

 Ele não se preocupava em se “embelezar” para o mundo, pois o que estava em seu coração era o Senhor e ele queria apenas se “embelezar” para Deus.

E por fim, nós podemos dizer que São João Batista era um homem de medidas altas, pois era “mais que um profeta”. Não se contentava com pouco, queria tudo, o que era tão controverso para a época, assim como vamos ver a seguir.

Contra toda a mediocridade

Pois bem, se nós formos analisar os períodos da história do povo judeu, nós podemos ver que os tempos que precederam João Batista e Jesus foram tempos de mediocridade, isto é, não tiveram outros profetas nem nenhum outro acontecimento relevante. De fato, sistematizaram as leis judaicas, vivendo-as não pelo seu significado, mas porque eram parte do sistema, como evidenciado nos confrontos entre os fariseus e Jesus no evangelho.

Ou seja, o povo vivia em medidas baixas e é aí que o Senhor põe João Batista, um homem de medidas altas. João vem ao mundo nesta época justamente porque era necessário que alguém aumentasse as medidas do povo antes que Cristo viesse.

Como dito anteriormente, João não se contentava com pouco e era firme. Podemos dizer que com ele era “Cristo ou nada”. 

Quão interessante é pensarmos nas semelhanças entre os tempos atuais e estes descritos. Pois nós também vivemos na era da mediocridade, já que tudo hoje em dia nos leva a sentar no sofá e não fazer nada de útil com as nossas vidas. Assim como eles, nós estamos preocupados demais com a aceitação social e com as normas do sistema regente.

Que nós possamos nos unir a São João Batista nesses tempos de festa junina e possamos nos tornar firmes na fé e assim como João Batista, nós cristãos, que fomos escolhidos por Deus, possamos levantar nossas medidas e sermos testemunhas para o mundo de medidas altas, assim como João Batista, pois assim como ele precedeu Jesus para os judeus da época, nós precisamos preceder Jesus para a vinda de Cristo ao coração das pessoas.

José Henrique Hissung Botelho de Andrade

Postulante da Comunidade Católica Pantokrator

Tags:

  ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●    ●  

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faça a sua doação e ajude a manter a nossa comunidade ativa e próspera

Conteúdos Relacionados

Ao continuar a navegar ou clicar em "Aceitar todos os cookies", você concorda com o armazenamento de cookies próprios e de terceiros em seu dispositivo para aprimorar a navegação no site, analisar o uso do site e auxiliar em nossos esforços de marketing.
Políticas de Cookies
Configurações de Cookies
Aceitar todos Cookies
Ao continuar a navegar ou clicar em "Aceitar todos os cookies", você concorda com o armazenamento de cookies próprios e de terceiros em seu dispositivo para aprimorar a navegação no site, analisar o uso do site e auxiliar em nossos esforços de marketing.
Políticas de Cookies
Configurações de Cookies
Aceitar todos Cookies